TRIER PAIS

Cartão Goitacá entregue a 132 pessoas cadastradas no CRAS do Matadouro

Na oportunidade, o prefeito Wladimir Garotinho anunciou o início da reforma da UBS Maria Selma, na comunidade Tira Gosto

Por Exclusivo RJ em 07/06/2022 às 15:30:56

Foto: César Ferreira / Divulgação

A Secretaria Municipal de Desenvolvimento Humano e Social entregou 132 unidades do Cartão Goitacá na manhã desta terça-feira (7), na Escola Francisco de Assis, no Matadouro. O evento contou com a presença do Prefeito Wladimir Garotinho, acompanhado da primeira-dama, Tassiana Oliveira, e do secretário de Desenvolvimento Humano e Social, Rodrigo Carvalho. Na parte da tarde será a vez dos moradores da Penha, receberem os cartões na Escola Municipal José do Patrocínio.

O prefeito anunciou o início da reforma da UBS Maria Selma, na comunidade Tira Gosto.

"Durante um tempo cuidar de pobre parecia crime. Estamos aqui para trabalhar e é possível mostrar que podemos cuidar das pessoas de maneira técnica. Fico feliz em ver as pessoas comemorando que podem fazer uma compra. Hoje as pessoas têm mais tranquilidade para colocar comida na mesa. Destruíram todos as políticas para as pessoas mais humildades. Estamos remontando a rede de proteção social. Nosso governo trabalha todo dia para fazer uma cidade melhor - disse o prefeito Wladimir Garotinho, lembrando a reabertura do Restaurante do Povo.

A dona de casa, Elizângela Artur Maria, 37 anos, mãe de cinco filhos, comemorou a chegada do cartão. "Graças a Deus o cartão chegou. Vou ter o que dar para os meus filhos comerem".

- Estava passando dificuldades e moro de aluguel. Estava difícil até para comprar o básico. O cartão vai me ajudar bastante - disse Juliana Laurentino de Carvalho, 32 anos, moradora da Portelinha.

"Eu recebia um benefício e depois que fui curada do câncer de mama, perdi. Esse cartão chegou na hora, já vou correndo fazer minhas comprinhas. Agradeço a Deus por ter colocado Wladimir nas nossas vidas. Hoje vou comprar uma carne que muito tempo não como. Hoje o pobre tem comida", disse a aposentada, Isabel Cristina Cabral, 62 anos, moradora do Parque Califórnia.

Residente da Portelinha, Gracielle da Silva Santos, 38 anos, falou da importância do cartão para a alimentação. "Estou desempregada e com o cartão vou fazer as compras. Primeira coisa que vou colocar no carrinho é uma carne, pois está muito caro. Que Deus abençoe cada vez mais".

O Cartão Goitacá foi lançado pela Secretaria Municipal de Desenvolvimento Humano e Social no dia 31 de Maio. Serão priorizadas famílias numerosas, que tenham em sua composição idosos e pessoas com deficiência sem fonte de renda e sustento; pessoas e famílias vítimas de calamidades e emergências; mulheres chefes de família e seus filhos, mulheres em situação de violência e jovens egressos dos acolhimentos institucionais.

Os beneficiários são acompanhados pelos Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) e Centro de Referência Especializado de Assistência Social (CREAS).

E, ainda, é preciso estar inscrito no Cadastro Único para Programas Sociais – CadÚnico; ter renda mensal per capita na faixa da extrema pobreza; ser morador (a) do município de Campos há no mínimo 3 anos e, preferencialmente, não estar inserido em outros programas de transferência de renda.

Participaram do evento, a coordenadora do Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) Matadouro, Valmara Macedo; a diretora da Escola Municipal Francisco de Assis, Nadia Ferreira; o subsecretário de Desenvolvimento Humano e Social, Henrique Oliveira e a subchefe do Gabinete do Prefeito, Carolina Jacomelli.
Comunicar erro
tESTAGEM
TRIER 2

Comentários

728x90 - Folheie Exclusivo
Barber2
Barber
PHNjcmlwdCBkYXRhLWFkLWNsaWVudD0iY2EtcHViLTY2NDI3Nzk1NDcyNzUwMjgiIGFzeW5jIHNyYz0iaHR0cHM6Ly9wYWdlYWQyLmdvb2dsZXN5bmRpY2F0aW9uLmNvbS9wYWdlYWQvanMvYWRzYnlnb29nbGUuanMiPjwvc2NyaXB0Pg==