[LOCAL 2] 728x90 - ALERJ

INSCRIÇÕES DA 15ª EDIÇÃO DO PARLAMENTO JUVENIL SÃO PRORROGADAS ATÉ O INÍCIO DE AGOSTO

Por Exclusivo RJ em 09/07/2024 às 12:09:51

O pedido de ampliação desse prazo foi feito pelos atuais PJs para que eles possam participar da divulgação do programa presencialmente nas escolas, na volta às aulas.Alunos do ensino médio da rede pública estadual ganharam um prazo maior para se inscreverem na 15ª edição do Parlamento Juvenil (PJ), que será realizada este ano, numa iniciativa da Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj) em parceria com a Secretaria de Estado de Educação (Seeduc).

As inscrições podem ser feitas até o dia 02 de agosto, e o programa possibilita que um adolescente de cada município tenha a oportunidade de vivenciar a rotina de trabalho de um deputado estadual durante a Semana Parlamentar, que acontecerá em novembro.

De acordo com o coordenador do projeto, o deputado estadual Danniel Librelon, a ideia é que todos os municípios sejam representados.

"Antes de iniciarmos as inscrições, nossa equipe percorreu quase 10 cidades, que na edição anterior não tiveram representatividade. Então, a prorrogação das inscrições será mais uma oportunidade da gente alcançar um número maior de estudantes. E o Parlamento Juvenil é isso. Um projeto apartidário e inclusivo que busca dar voz e protagonismo para os jovens do nosso estado", defendeu Librelon.

Natalia Toledo, gestora do projeto, explicou que a mudança aconteceu devido a um pedido dos parlamentares eleitos para a 14ª edição.

"Os estudantes que já viveram a experiência do Parlamento Juvenil solicitaram um período de inscrições que abrangesse a volta às aulas para que pudessem participar também da divulgação do programa presencialmente nas escolas", disse.

As inscrições devem ser feitas pelo site, e cada cidade poderá escolher um representante através do processo eleitoral. A votação, que acontecerá de 07 a 09 de agosto, também será realizada pela página do PJ para possibilitar a participação de todos os alunos da rede estadual.

Após a eleição dos representantes, são oferecidos cursos de capacitação em direito constitucional, ética no serviço público, redação, oratória, entre outros assuntos relevantes para o exercício legislativo.Parlamento Juvenil nas redes.


O projeto

O Parlamento Juvenil é voltado a jovens entre 14 e 17 anos que estejam cursando o 1º ou 2ª ano do ensino médio na rede estadual. Para atrair a atenção dos estudantes, o projeto passou por uma adaptação estratégica na comunicação que inclui a criação de um podcast semanal, além de postagens nas redes sociais que são voltadas aos interesses dos adolescentes.

O PJcast, podcast do Parlamento Juvenil, é apresentado por Gabriel Amaurício e recebe jovens deputados eleitos em edições anteriores para debater sobre suas experiências no projeto.

"Da capital ao interior, os jovens estão nas redes sociais, e o PJcast é uma forma mais orgânica de atrair a atenção deles para a política do Estado", comentou Gabriel. O programa vai ao ar no canal do Youtube, toda quarta-feira.

O PJ Marcelo Esteves, de 16 anos, foi convidado a participar do PJcast desta semana e falou sobre a sua experiência no Parlamento Juvenil para outros jovens.

"O diretor da minha escola, em São João do Vale do Rio Preto, me incentivou muito a participar porque ele mesmo foi um parlamentar juvenil. Eu só me inscrevi para ser um PJ porque fiquei impressionado com as histórias dele. Espero que, ao falar da minha vivência, outros alunos também se sintam motivados a participar", disse.

Fonte: Ascom

Comunicar erro

Comentários